Primeira vez aqui? Seja bem vindo e cheque o FAQ!
x

Ainda faz sentido separar Microeconomia de Macroeconomia?

+1 voto
91 visitas
perguntada Mar 11, 2016 em Economia por eco1911 (146 pontos)  

Micro e Macro são comumente discriminadas como a Micro estudando agentes e a Macro estudando agregados.
Porém num curso de Micro pode-se estudar a demanda de mercado por um certo produto, que é um agregado da demanda de cada consumidor, podemos incluir outros produtos substitutos e complementares também, tendo assim um modelo Micro com um "agregado" de coisas.
Já a Macro, se diz que atualmente é toda microfundamentada. Ao estudar inflação pode-se estar interessado em saber quais são as expectativas dos agentes, por exemplo.
Mas o ponto principal da minha dúvida é o IMPA. Na grade do IMPA não tem nenhuma matéria com o nome "Macroeconomia", mas entre as áreas de especialização estão Economia Dinâmica e Equilíbrio Geral, com trabalhos de conclusão de curso em cima de DSGEs. Estes modelos tipo DSGE são considerados o "workhorse" da Economia moderna, sendo muito utilizado pelos Banco centrais na condução de política Monetária (que é uma área Macro). O IMPA estuda modelos DSGE, modelos DSGE são a base da Macro atual, então o IMPA estuda "Macro" também?

Compartilhe

1 Resposta

+1 voto
respondida Mar 11, 2016 por danielcajueiro (5,171 pontos)  

Eu não sou a pessoa mais indicada para responder a pergunta inicial "Faz sentido separar Micro de Macro?".

Entretanto, em relação a pergunta relacionada com o IMPA, o IMPA de forma geral não é o lugar adequado para estudar MACRO. Várias ex-alunos relatam que não existem cursos de MACRO no IMPA.

...